sábado, 25 de julho de 2015

Seu João

Essa pequena história, como diz Genifer, mas de uma grandeza incomparável, nos alerta para muitas, de inúmeras histórias de Seu João, Sr. Antonio, Seu Zé, Amarildo, Seu Toninho, e tantos outros que conheci e pude sentir em meu coração, que realmente...histórias como essa acontecem "sem querer" e que nós tão "humanos" quanto esses irmãos em situação de rua, deveríamos nos curvar com o melhor de nós, e entender, que ali, naquele lugar poderia ser um de nós...e buscar naquela lição, a compaixão, o respeito, a dor que dói no outro, dói em nós...em mim...em você ... No Seu João, no Seu Zé...em nossos irmãos. (...)



terça-feira, 25 de junho de 2013

O jogo de poder é muito mais ardiloso e bem "articulado", (lê-se manipulado), que nós em franca maioria e não participantes desses grupos, possamos supôr. Lembremos que um Novo País ou uma Grande Nação, se forma em primeiro lugar, em bases a cultura e educação...sem informação não há parâmetros de críticas e escolhas...
http://leonardoboff.wordpress.com/2013/05/09/o-que-se-esconde-atras-do-caso-marco-feliciano-da-comissao-de-direitos-humanos/

domingo, 28 de outubro de 2012

quinta-feira, 8 de março de 2012